Não tem carnaval, vamos vender!

O PERÍODO de carnaval está aí, mas muitos gestores ainda NÃO se tocaram de que NÃO vai ter carnaval! A maioria das comemorações estão proibidas e muitas cidades suspenderam o feriado da semana.

Seu mindset já deveria ter sido ajustado há algumas semanas para esse momento!

Um decreto colocando a prática de atividade física em academias como atividade essencial, por si só, não faz com que os clientes voltem para a academia, mas a verdade é que muitos estão voltando e outros estão começando a praticar atividades físicas em academias, apesar de uma pesquisa ter relatado que quase 50% dos clientes NÃO retornarão! É preciso entender as expectativas dos clientes no pós-pandemia e trabalhar em cima disso para traçar suas estratégias de vendas.

O cancelamento do carnaval traz algumas oportunidades para você, gestor:

  • Já que não tem carnaval, muitas pessoas podem estar propensas a ir para a academia, você está desenvolvendo alguma ação para estimular o comparecimento?
  • O mês de fevereiro tem menos dias e, com o carnaval, ele fica ainda mais curto! Já pensou que você tem quase uma semana a mais para bater suas metas?
  • Se você não for fazer uma viagem, é um período excelente para ajustar o seu planejamento!
  • Que tal incrementar a régua de relacionamento com o sue cliente nesse período dando dicas de lives e atividades de lazer seguras para se realizar nesse período?
  • E que tal lançar uma promoção para aqueles visitantes se matricularem exatamente nesse período?

O que você não pode fazer é ficar parado, de braços cruzados, esperando que os clientes apareçam na academia! Guarde bem essa máxima: “Se seu cliente não compra, por que você não experimenta vender para ele?”

Enfim, o período de carnaval desse ano é o momento ideal para você desenvolver novas ações, revisar os seus processos de venda e ajustar todo o seu curso para 2021!

Você já está se preparando?

Ajustando seu mindset para vender mais

Cada pessoa tem um jeito próprio de enxergar o mundo e essa visão é influenciada pela cultura e pelas experiências de cada um, que gera comportamentos e atitudes também peculiares a cada indivíduo. Tudo isso forma o que se chama de mindset, que nada mais é do que o modelo mental que cada um desenvolve a partir dessa visão de mundo.

Assim, o mindset é responsável pela maneira como cada um de nós enxerga, compreende e julga tudo o que acontece em nossas vidas, motivando nossas decisões e atitudes. É a percepção individual da realidade em que cada um nós está inserido e que norteia toda nossa vida.

O mindset pode ser dividido basicamente em dois modelos: mindset fixo e mindset de crescimento.

MINDSET FIXO

No modelo mental fixo, a pessoa acredita que sua visão de mundo é imutável, ou seja, as coisas só funcionam a partir da sua perspectiva pessoal. Uma característica de pessoas com esse mindset é a vaidade, a hostilidade (com pessoas que pensam diferente) e a exaltação de seus “talentos”.

Uma pessoa com mindset fixo acha que não tem mais nada a aprender e seus fracassos são sempre culpa de outros fatores, mas nunca dela mesma! Aliás, aprender é sinônimo de fracasso, porque ela vai precisar admitir que não é tão boa quanto pensava.

MINDSET DE CRESCIMENTO

No modelo mental de crescimento, a pessoa acredita que cada desafio, cada dificuldade é uma oportunidade de superação e aprendizado. Desafios movem essas pessoas! Assim, e por causa dessa busca por novos desafios, o cérebro faz novas conexões e a pessoa cresce cognitivamente, aperfeiçoando sua atenção, a memória e a capacidade de julgamento.

Mudando o seu mindset

O mindset pode, sim, ser alterado! Isso significa que cada um pode desenvolver uma nova visão da realidade e começar a vivê-la! Crenças limitantes podem prejudicar essa mudança, por isso o autoconhecimento é fundamental nesse processo!

Ter um mindset de crescimento significa “pensar fora da caixa” o tempo todo e isso exige investimento (não necessariamente financeiro) em inovação e motivação. É esse modelo mental que vai, única e exclusivamente, fazer com que cada um alcance resultados diferentes dos já alcançados, levando a uma performance ainda melhor!

Para manter seu mindset sempre em constante mudança, sem ficar preso a padrões de comportamentos e de ações engessadas que não produzem resultados novos, siga essas dicas:

  • Trabalhe o autoconhecimento

Quando se fala em autoconhecimento, fala-se da conscientização de si mesmo, entendendo suas forças e suas fraquezas e o que leva cada um a agir da maneira como age. Esse é o primeiro passo para a mudança!

  • Planeje

O planejamento – pessoal e profissional – faz com que se mantenha o foco nos objetivos e se corrija o rumo a tempo de se evitar resultados negativos.

  • Busque o conhecimento

A busca incessante do conhecimento – leia-se estudar – tem o poder de agir sobre o inconsciente, ajudando a modificar pensamentos, comportamentos e atitudes que podem ser prejudiciais ao crescimento e desenvolvimento individual e profissional.

  • Foque no positivo

Sabe aquela história do copo meio cheio ou meio vazio? Geralmente, quando algo de ruim nos acontece, costumamos focar apenas nos aspectos negativos da situação e não observamos o que essa experiência pode ter trazido de positivo. Desafios e adversidades têm o poder de nos transformar e fortalecer emoções e sentimentos, desde que se foque nas experiências positivas de cada situação.

Parece pouco provável que manter um mindset fixo melhore sua performance na vida e nos negócios… Se você pensa assim e consegue perceber que esse é o modelo mental predominante em você, trabalhe para mudá-lo! Em muito pouco tempo você vai perceber diferenças significativas na vida e nos negócios!

Ah! Cada membro da sua equipe também precisa mudar o mindset! Lembre-se que são eles que trazem resultados para as vendas da sua academia! 

Panorama do mercado fitness: academias são essenciais?

Recentemente o profissional de Educação Física foi enquadrado como profissional da área de saúde e uma série de decretos municipais também enquadraram as academias como estabelecimentos essenciais para a promoção da saúde da população. Claro que isso é uma vitória para o mercado fitness, mas parece que esqueceram de combinar com os clientes!

Um decreto de essencialidade, por si só, faz com que os clientes voltem para a academia? Acreditar nisso é não enxergar o seu negócio com os olhos do cliente! Uma pesquisa relatou que quase 50% dos clientes NÃO retornarão para as academias! Seu cliente acha mesmo que academia é essencial? É preciso entender as expectativas dos clientes no pós-pandemia e trabalhar em cima disso para traçar suas estratégias de vendas.

Será que não está faltando alguma coisa nessa equação? Sim! A COMUNICAÇÃO! Mas não basta a comunicação dizendo que academias são essenciais! É preciso mudar toda a “copy” que você faz nas suas divulgações! Se você continuar focando no público que quer emagrecer, vai continuar limitando o público que poderia estar na sua academia! Além disso, o mindset dos seus colaboradores também precisa ser trabalhado! Como eles vão vender saúde, estando acostumados a vender “malhação” e emagrecimento?

Por outro lado, mais uma vez, uma série de cidades decretaram o fechamento de estabelecimentos e muitas incluíram as academias nessa lista (estamos em janeiro de 2021).

Quando se pensa em planejamento, uma das ferramentas que se pode utilizar é a análise SWOT: em uma matriz, faz-se uma lista dos pontos fortes e fracos da empresa e das ameaças e oportunidades que o AMBIENTE EXTERNO proporciona. A partir daí, pensa-se em soluções para cada uma das ameaças e ações para se potencializar as oportunidades.

Parece que, nesse momento, a maior ameaça é o abre-e-fecha das academias. E a solução para isso, você, gestor, tem? Reclamar dos prefeitos, fazer manifestações, acusar CREFs e até a ACAD Brasil (Associação Brasileira de Academias), que vem fazendo um excelente trabalho nessa pandemia em prol das academias, NÃO é uma opção!

Em contrapartida à essa ameaça, existe uma grande oportunidade: sua academia atuando no ambiente digital! Essa é uma das tendências do fitness para 2021, reportadas pelo American College of Sports Medicine (ACSM). Na verdade, o digital ocupa diversas posições nas 20 tendências do fitness para 2021!

Mesmo antes do relatório com as tendências ser lançado, já se cogitava um mercado fitness “híbrido” e muitas academias e personal trainers que estão migrando para esse ambiente estão experimentando resultados melhores!

A decisão é sua, gestor, entre continuar com um mindset que já não permite enxergar soluções novas, ou mudar totalmente a sua mentalidade para vislumbrar um mar de oportunidades pós-pandemia!

Vendas em Academias
Enviar